Gestão e Economia

Juiz de Fora lidera Ranking Nacional da Transparência

Ranking levou em considerações medidas adotadas pelo Poder Público visando à transparência

Juiz de Fora ficou em primeiro lugar no Ranking Nacional da Transparência realizado pela Câmara de Combate à Corrupção do Ministério Público Federal (MPF), divulgado no dia 21 de junho de 2016. A cidade ficou em destaque num grupo de grandes cidades do país, como Curitiba e Florianópolis. 

O levantamento avalia e pontua as cidades de acordo com as ações de aplicação da lei de transparência realizadas pelos municípios. Também são avaliadas informações gerais sobre licitações, possibilidade de envio de solicitações pela população, descrição e contatos da estrutura organizacional da instituição e divulgação de cargos e remuneração dos servidores, entre outros critérios específicos.

Desde o início de sua gestão, Bruno aumentou a transparência da administração pública, permitindo que o cidadão acompanhe as ações desenvolvidas com o dinheiro público e ajude a fiscalizar.

O cidadão passou a ter acesso aos dados que vão desde cargos e salários de servidores municipais, até aos contratos e às licitações, entre outros. A partir de 2014, a PJF passou a disponibilizar ainda a transparência passiva, com a possibilidade de solicitação de informações de forma presencial ou virtual.

Já em agosto, levantamento do jornal Folha de S. Paulo apontou Juiz de Fora como a sétima cidade mais eficiente do Brasil, entre aquelas com mais de 500 mil habitantes. A cidade ficou, ainda, em segundo lugar em Minas Gerais e no seleto grupo de 24% dos municípios considerados eficientes, nas quais os recursos das prefeituras proporcionam bons resultados sociais e serviços à população.

Compartilhar Voltar