Esporte e Lazer

CULTURA, ESPORTE E LAZER

A cultura compõe as iniciativas da administração pública a partir do seu reconhecimento como instrumento estratégico no processo de desenvolvimento humano e social, afirmando-se como direito social.

Também desconsiderado inicialmente, o direito ao esporte e lazer insere-se no universo das políticas sociais como grande aliado na contribuição das mais diversas problemáticas sociais. Além de estimularem a vida saudável, as práticas esportivas e as possibilidades ao lazer assumem grande importância na formação dos cidadãos, ao proporcionarem intensa interação social, desenvolvendo princípios, valores éticos e compreensão de coletividade, fomentando, assim, práticas envolvidas pelo respeito mútuo, pelo companheirismo e pela solidariedade.

Por perpassar diferentes campos da vida cotidiana, as ações de cultura, esporte e lazer devem ser centradas nas pessoas e em suas comunidades, através do estabelecimento e valorização de espaços e convivência, respeitando as realidades e perfis distintos das muitas comunidades que integram o município.

 

SÍNTESE DAS PROPOSTAS

 

- Incentivar práticas culturais em nosso município, de acordo com as diretrizes e ações propostas pelo Plano Municipal de Cultura, instituído através da Lei Municipal nº 12.884/2013, com a participação do Conselho Municipal de Cultura.

- Dar continuidade à reforma do Museu Mariano Procópio e abrir os ambientes para visitação, à medida em que as obras forem sendo concluídas.

- Priorizar a agenda do Teatro Paschoal Carlos Magno para a produções locais.

- Captar recursos para replicar projetos similares aos da Praça CEU (Centro de Artes e Esportes Unificado) pelas regiões da cidade, respeitando as características e os perfis da cada comunidade e incentivando oficinas de esportes especializados nas ruas de lazer e espaços públicos.

– Estender as atividades culturais e de esporte e lazer nas praças, bairros e ruas, dando continuidade às ações do “Bem Comum Lazer”, promovendo a ocupação dessas áreas urbanas de forma saudável e criando oportunidades de práticas de esportes nas vias públicas.

- Utilizar escolas públicas e outros espaços comunitários, além do tempo ocioso de clubes, como ambientes potentes para prática de esportes e desenvolvimento de atividades culturais e artísticas.

- Criar, manter e incentivar programas semelhantes ao “Gente em Primeiro Lugar”.

- Criar programa de grafitagem de mobiliários urbanos e espaços públicos, bem como instituições privadas interessadas, de modo que o trabalho do artista credenciado fique em exposição em períodos determinados, incentivando rotatividade e valorização de cada artista.

- Ampliar, de forma gradativa, os programas "Bom de Bola" e "JF Paralímpico".

- Expandir as academias ao ar livre.

- Ampliar o programa “JF + Ativa”, que contempla atividades que valorizam a qualidade de vida da população.

- Ampliar os torneios esportivos nos moldes da “Copa PJF de Futsal e Futebol Amador”, envolvendo diversas modalidades de esporte.

- Dar continuidade às melhorias do Estádio Municipal Radialista Mário Helênio.

- Estabelecer novo formato para o carnaval de Juiz de Fora.

- Criar programa de incentivo à prática de skate, através da realização de eventos e torneios e do fomento à utilização das pistas de skate públicas.

- Incentivar o retorno dos torneios intercolegiais.

- Incentivar a prática de esportes, como futebol, boxe, capoeira, skate, e outros, no município.

- Incentivar patrocínio por parte de entes federal, estadual e privado aos atletas de alta performance do município. 

 

Compartilhar Voltar