SET

17

2016

Gestão e Economia

Bruno Siqueira lança Plano de Governo

Na manhã deste sábado (17), o candidato à reeleição, Bruno Siqueira (PMDB), e seu vice, Antônio Almas (PSDB), receberam centenas de apoiadores no Victory Hotel para o lançamento de seu Plano de Governo para os próximos quatro anos. No documento, metas e diretrizes reais e viáveis servirão de base para o próximo mandato, caso reeleito.

O vice-governador de Minas, Antônio Andrade (PMDB), fez questão de participar dessa importante etapa da campanha, ressaltando que é fundamental dar continuidade a esse mandato: “É com muita alegria que estou em Juiz de Fora na campanha do meu amigo e companheiro Bruno, que soube administrar muito bem a cidade nesses quase quatro anos. Ele atravessou a crise com sabedoria e inteligência e honrou os recursos de vocês. Bruno lidera as pesquisas com muitas obras realizadas e em andamento e com o salário dos servidores em dia. Vamos continuar com o que está dando certo”.

Bruno Siqueira fez um discurso firme e ao mesmo tempo emocionado, por ter ao seu lado apoiadores tão importantes e por ter a certeza de que seu trabalho está dando bons frutos, vide o resultado da pesquisa Ibope divulgada nesta sexta (16), em que Bruno dispara na liderança do primeiro turno com 30% e garante a vitória no segundo turno com 43% das intenções de votos. “Esse é o reconhecimento do trabalho que estamos fazendo. A população está vendo seriedade. Mas nós ainda não ganhamos nada. Nós precisamos trabalhar todos os dias e mostrar o nosso plano de governo. Precisamos ter muita humildade porque foi com ela que conseguimos chegar onde estamos hoje. Vamos conseguir conquistar o coração dos juiz-foranos e a cabeça de quem está indeciso. Nós temos a melhor equipe, pro futuro e agora”.

Sobre o plano apresentado, Bruno destacou a participação da população para sua elaboração e que ideias novas podem ser agregadas: “Esse plano foi construído ouvindo as comunidades, em reuniões que fizemos em vários bairros. Esse plano é real, não fazemos demagogia e nem prometemos o que não podemos cumprir. O plano que elaboramos em 2012 foi mais de 80% cumprido, mesmo com a crise financeira. Desse novo plano, queremos cumprir o máximo que conseguirmos. A política é o processo que podemos ter de transformação. E a articulação política é fundamental para o cumprimento de nossas metas e diretrizes”.

Antônio Almas fez coro, destacando a importância da captação de recursos externos para mais planos serem colocados em prática. “Qualquer plano de governo não é um plano acabado. Quanto mais o processo administrativo vai caminhando, mais alternativas vão surgindo e, se você adquire capacidade maior no ponto de vista dos recursos estaduais e federais, outras propostas poderão surgir para o bem da cidade”.

Clique aqui e confira o Plano de Governo.

 

Apoiadores destacam boa administração de Bruno Siqueira

O ex-prefeito, Custódio Mattos (PSDB), enfatizou que toda eleição deve ser avaliada com um critério: qual o interesse público naquele momento. “A administração do Bruno teve um desempenho muito bom nesses quatro anos, porque o Brasil enfrentou nos últimos anos a maior crise econômica de sua história e isso teve um reflexo enorme nas prefeituras, no governo do estado e no governo federal. O Bruno manteve a cidade bem conservada, serviços essenciais funcionando, ainda conseguiu dar continuidade a obras de administrações anteriores e começar obras muito importantes para a cidade. O melhor para Juiz de Fora é a reeleição do Bruno. E não há vaidade, não há orgulho, que deva interferir em decisões politicas, portanto, o PSDB resolveu apoiar o Bruno”, pontua Custódio.

Outro apoiador da coligação “Pro Futuro e Agora” é o ex vice-prefeito, João Cesar Novais (PMDB), que também destacou a importância da reeleição de Bruno: “Quero que vocês prestem bem atenção porque temos que continuar com essa boa administração. Tenho certeza e convicção absoluta que só vai melhorar. Bruno não foi só eficiente na gestão administrativa, mas também na condução política da cidade. Ele fez com que o nosso PMDB pudesse receber de braços abertos o PSDB. Vamos nos unir e conquistar uma cidade cada vez melhor”.